combustão humana espontânea

“Corpos que pegam fogo, sem que nenhuma ação externa provoque essa combustão e curiosamente, somente o corpo da pessoa queima, ficando as vestes intactas. Joana de  Angelis, pelo Divaldo P Franco, afirma ser esses espíritos, ex-inquisidores, incendiários das pessoas que não professavam a religião oficial ou tinham qualquer dom diferente do normal, o normal na época era o conceito arcaico da cultura e dos costumes parciais, preconceituados nos interesses dos dirigentes civis e religiosos os mandatários inaltorizados de Deus.

 A psicologia explica as neuroses dos seres que sentem prazer de alguma forma em ferir ou provocar dor no outro, extasiando os limites da morbidez sexual, como forma de satisfação das aberrações provocadas por desvios de conduta. Porque pegar fogo, auto incendiar-se, mesmo contra vontade? (1)

Tudo tem um porque (2), temos que conscientizar-nos de que nada acontece por acaso (3), as disposições contrarias surgem por falta de conhecimentos. Os fatos analisados pela ciência não tem explicação convincente, mas diante da Ciência Espírita, podemos justificar os acontecimentos, pela lei da reencarnação, inserindo as intenções da experiência, na infalível Lei de Causa e Efeito, encontrada na literatura religiosa de que, cada um é o resultado do que semeou, cada qual colhe o que plantou (4).

 Se o individuo botou fogo em um ser humano (5), a lei espiritual sincroniza sua freqüência vibratória, demarcando sua sintonia com os acontecimentos relativos a essa ação e que na primeira oportunidade de sofrer na pele o que afetou o próximo, estará incluso como personagem, na ação das tragédias e acidentes que tanto afetam a sensibilidade e o julgamento das pessoas.”  

(texto tirado sei-lá-de-onde-da-internet)

(1)     porque, Jizuzzzz??!

(2)     Porque Jizuzzzz??!! – 2.

(3)     Muito menos um fogaréu transbordante nas tubulações internas.

(4)     Isso não vale só no campo religioso.

(5)     Existem mil maneiras de fazer isso. Eu só agradeço a que foi usada com minha pessoa.

em homenagem a Mrs. Dalloway, um close na parte invisíveldos internismos. horas antes da festa começar.

em homenagem a Mrs. Dalloway, um close na parte invisíveldos internismos. horas antes da festa começar.

Anúncios

Uma resposta to “combustão humana espontânea”

  1. Alberto Fiorini Says:

    A Combustão Humana Espontânea, em minha opinião resultado sobretudo do ectoplasma acumulado no corpo da pessoa (vítima) durante o decorrer de sua vida.
    Muitos cientistas atualmente querem conhecer mais sobre os efeitos do ectoplasma, que na verdade Allan Kardec, o chamou de fluído vital.
    Quando uma pessoa ingere na alimentação muita carne bovina, ela aos poucos também vai ingerindo consigo, bactérias cadaverinas, bem como o hormônio impregnado na carne, chamado cortisol, o qual o gado desesperadamente libera nos momentos finais de sua vida Tudo isso é perigoso para a saúde humana, sem dúvidas, mas pior ainda é alimentar-se do flúido vital do animal, cheios de intoxicações de miasmas no momento de sua morte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: