beijar é ato político – que maravilha!

tsc tsc… eu já disse e repito…
o cara tem um bar e resolve tomar atitudes homofóbicas quer dizer que ele é, no mínimo BURRO!

o Cantinho Acadêmico fica na 13 de maio ali em frente a pracinha da gentilândia. ponto de passagem de todo cristão e ateu que anda/vive/convive no bairro do Benfica. impossível passar ali e não encontrar gente conhecida. não se trata de um bar gay, coisa de gueto, não. o público é misto, porém a imeeensa maioria ou tem ou já teve alguma história ou amigos gays e lésbicas.
ninguém se espanta com manifestações de carinhos entre pessoas do mesmo sexo.

só o dono, o Pereira.

o Pereira é um cara legal, na maior parte do tempo. até você levar seu namorado e namorada pra lá e resolver beijar na boca, aí ele volta e meia dá mancada. os garçons param de servir, você fica no vácuo.

comigo, em 2003, no começo do meu namoro com a nathália, ele mandou a conta. ficamos putas, até porque ele mandava recados pelo garçom, mas naquela noite não tava a fim de bate boca, escrevi um recado pra ele no verso da conta e fomos embora.

depois de um tempo percebi que parar de andar lá não era solução, era exatamente o que ele queria! o bar continua cheio, inclusive de amigos meus, já que o lugar é no coração do benfica. então voltei, voltamos. depois que fui jurada no Veja Fortaleza e votei no Cantinho Acadêmico (no Cantinho da Filosofia, também, meu povo, é massa lá!), ele começou a me tratar muittíssimo bem.

impressionante o que interesses comerciais não fazem.

mas aí ele continua a dar mancadas. mesmo alguns clientes gays e lésbicas me dizendo que ele é ok com isso, outros relatam casos e homofobia, constrangimentos.

então, depois dele fazer isso com pessoas muito bem informadas (ih, se lascou!) quanto à lei municipal 8.211/98, que pune estabelecimentos comerciais que pratiquem atos homofóbicos, vai ouvir e ver (vai ter exibição de algo em telão em frente ao bar, na rua) uma resposta:

HOJE, a partir das 18h
todos convidados para o ato contra a homofobia do Pereira.
como fazer pra participar?

chegue por lá, sente, peça uma cerveja, leve seu par ou amigo, se quiser… e beije. pode só aplaudir, também!
ou seja, se expresse, EXISTA, OCUPE aquele espAÇO:

beijo, carinho, bom papo, demonstre que o Pereira não pode maltratar clientes gays, afinal, ele ganhou uma concessão da Prefeitura pra ter um bar em espaço público! então, o espaço é seu também!

ora se a maior parte dos clientes é GLBT ou muito amigos de GLBTs e apóia demosntrações de afeto em público, ele vai parar de servir o bar todo?
então é isso. ao invés de boicotar e sumir do bar, é mais eficiente impregnar e exigir respeito do Pereira. com graça. e beijo.

até lá!

ps: claaaro que a imprensa estará presente.
ps2: do papo “carinho em público = a atentado ao pudor” eu já cansei. qualquer criança de 10 anos sabe a diferença.
ps3: foto é do poste em frente ao cantinho acadêmico, na praça. (vamo ver se aparece no post, se não, tá no www.fotolog.com/cidadesolar )

Anúncios

2 Respostas to “beijar é ato político – que maravilha!”

  1. Erika Says:

    So fiquei sabendo depois, queria ter ido…tambem acho um absurdo alguem, ainda mais no Benfica, um bairro universitario que pressupoe pessoas coerentes, haver esse tipo de constrangimento…ja vi varios beijos de casais gays e nunca me senti incomodada com eles.

  2. jackson Says:

    amei seu blog e a manifestação no c.a.. já tinha ouvido falar da hostilidade à purpurina do pereira.

    beijo grandão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: